assembleia


 

SINDICATO DOS TRABALHADORES NAS INDÚSTRIAS GRÁFICAS,

COMUNICAÇÃO E SERVIÇOS GRÁFICOS DE SÃO PAULO E REGIÃO

Edital de Convocação - Assembleia Geral dos Trabalhadores nas Indústrias Gráficas

Pelo presente Edital, nos termos do Estatuto Social da entidade, e na condição Categoria Profissional Gráfica Diferenciada nos termos do artigo 511 da CLT, Processo MTPS 319.819/73, DOU de 03.10.1974, página 11.231, independentemente da atividade principal da empresa, convoco todos os trabalhadores gráficos integrantes nas Indústrias da: Gravura, Oficiais Gráficos e Encadernadores, Tipografia, Encadernação e Impressão Digital e Eletrônica, da Comunicação Gráfica e dos Serviços Gráficos, e das atividades descritas da C.B.O. – Classificação Brasileira de Ocupações do MTE, no grupo 9.2 e do Grande Grupo 7, nos códigos 7661 – 7662 – 7663 – 2149-30 e 2624-10, produtos e segmentos gráficos impressos relacionados no IBGE – Indústria da Transformação, Grupos 17.3, 17.4, 18.1, 18.2 e como informação e Comunicação Grupo 58.2 – CNAE, CONCLA, PRODLIST, estabelecidos nos municípios de São Paulo e Região, associados(as) ou não, para a Assembleia Geral dos Trabalhadores das Indústrias Gráficas a realizar-se às 15:00 horas do dia 30 de Junho de 2022 na Rua da Figueira, n° 233, Brás, na Cidade de São Paulo/SP, em primeira convocação, ou uma hora após em segunda e última convocação. Da mesma forma convoco todos os trabalhadores que desenvolvem as suas atividades gráficas acima mencionadas nas Oficinas e Departamentos Gráficos das Empresas Proprietárias de Jornais e Revistas no Estado de São Paulo, classificadas no 3° Grupo do Plano da CNTCP, estabelecidas nestes mesmos Municípios, para outra Assembleia Geral de Trabalhadores Gráficos de Empresas Proprietárias de Jornais e Revistas no mesmo dia e local, a realizar-se 13:00 horas do dia 30 de Junho de 2022, para o fim de deliberar sobre a seguinte ordem do dia: a) discussão da Pauta de Reivindicações a ser encaminhada ao Setor Patronal para a Renovação da Convenção Coletiva de Trabalho para o período de 2022 a 2023; b) outorga de poderes à diretoria desta entidade para empreender as negociações necessárias, celebrar CCT, instaurar dissídio, firmar Acordo Judicial; c) autorizar o exercício do Direito de Greve na forma da Lei 7.783/89, em caso de malogro das negociações; d) discutir a instituição de Contribuição em favor desta entidade sindical e das entidades de grau superior, conforme deliberação determinada pela Assembleia, a ser descontada em folha de pagamento de todos os trabalhadores da categoria; e) discussão sobre a definição de prazos, formas e condições para o Direito de Oposição ao referido desconto.

Elisangela de Oliveira - Presidente; Alexsandro dos Reis - Secretário Geral